Papel Transfer ou Papel Sublimático? Ou Papel Comum???

O Papel é Sublimático ou é Papel Transfer Sublimático? É comum essa Confusão quando iniciamos na Sublimação, mas aí vem o Papel Comum!

Existe uma grande diferença entre Papel Transfer e Papel Sublimático.

Então vamos logo conversar sobre suas Principais Diferenças e tenho certeza que sua Compreensão será muito rápida.

O que é o Papel Transfer?

Transfer é um tipo de papel especial que quando aplicamos tempo, temperatura e pressão, transferimos sua película para um produto, geralmente tecidos.

O tipo de tinta utilizada nesse tipo de papel é a tinta pigmentada e a durabilidade dessa transferência em modo geral é baixa.

Essa película normalmente resseca em pouco tempo ou devido as lavagens do tecido o que causa rachaduras na estampa.

Podemos dizer também que nesse caso o Papel Transfer é especial, e não a tinta.

Esse tipo de papel é uma alternativa para estampas em tecidos de algodão e também promocionais. Não é recomendado para um produto que se espera uma longa utilização.

O que é o Papel Sublimático?

Esse tipo de papel é recomendado apenas para impressão com Tinta Sublimática.

O papel sublimático recebe um tratamento para evitar que ele absorva a tinta e dessa forma ele garante uma maior transferência de tinta para os produtos.

Esse tratamento também garante que a tinta não passe para o verso do papel sujando a parte superior da prensa térmica.

A tinta sublimática é indicada para estampar tecidos com poliéster em sua composição e também outros produtos, como canecas, azulejos, entre outros que receberam a aplicação de uma resina específica.

A durabilidade da Sublimação é o tempo que tecido durar pois ao aplicarmos tempo, temperatura e pressão, a tinta sublimática irá evaporar.

Quando isso ocorre, ela leva consigo os pigmentos e tinge as fibras do tecido.

[adrotate banner=”17″]

E o Papel Comum? Quando vou utiliza-lo?

É um fato que nosso Mercado de Produtos Personalizados ainda caminha para uma padronização e isso causa muito ruído nas informações.

Vejo pessoas dizendo que utilizam o Papel Comum e que conquistam resultados melhores do que com os Papéis Sublimáticos.

Acredito que a leitura está sendo de forma equivocada. Explico.

Certamente essa pessoa teve uma experiência com um papel sublimático de péssima qualidade, se ele era mesmo um papel sublimático…

Diante desse péssimo resultado, comparado com um papel comum, pensa encontrar um resultado melhor.

O papel comum não deve ser utilizado para impressões com tinta sublimática pois ele não possui nenhum tipo de tratamento.

Esse papel absorve o tinta e quando fazemos a prensagem ele transfere pouca tinta para o produto.

Outro fator é que por ele não possuir nenhum tipo de barreira, ele permite que a tinta passe para a parte superior da prensa térmica o que acaba manchando os próximos produtos a serem estampados.

Como sempre digo, como profissional você precisa estar sempre procurando a Melhor leitura de seus resultados.

Papel Transfer ou Papel Sublimático?

papel-transfer-02

Espero neste Artigo iniciarmos mais uma Boa Conversa sobre Personalização de Produtos.

Esse Artigo faz parte de uma Série que eu Criei com as Dúvidas mais Frequentes e Aqui em baixo você pode ver os Artigos Anteriores.:

Epson L365, Epson L375 e Epson L220 – Modelos Recomendados para Sublimação

Falha de Impressão com a Impressora Sublimática

Impressoras Epson NÃO são Vendidas com Tinta Sublimática!

Também criei uma Série sobre as Ferramentas Indispensáveis para um Ambiente Profissional.:

Como fazer Embalagens Personalizadas

Fita Térmica ou Fita Mágica? – Como Fixar a Arte no Produto

Estufa para Papel Sublimático – Elimine as Marcas nas Impressões

Termômetro Digital – Como Usar na Sublimação!

Manta de Silicone – Estampando Produtos Rígidos

Cola Spray Temporária – Elimine os Fantasmas da Sublimação!

Equipamentos de Segurança na Sublimação e Mais Ferramentas!

O que você achou desse Artigo? Ele te ajudou a esclarecer alguma dúvida?

Espero conversar mais com Você nos Comentários!

Sucesso e Até Mais!